Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Gentio do Ouro - Bahia e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Gentio do Ouro - Bahia
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social YouTube
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
31
31 MAI 2021
ESPORTES,LAZER E JUVENTUDE
202 visualizações
Gentio do Ouro economizará um milhão e meio de litros de água potável por mês com gramado sintético do Novo Estádio Municipal 
#PadrãoFifa A Sudesb (Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia) parabenizou a Prefeitura pela escolha do gramado sintético e apontou as vantagens sobre o gramado natural, que requer manutenção cara.

A escolha do gramado sintético do Novo Estádio Municipal de Gentio do Ouro, inaugurado na última quarta-feira, vai garantir a Prefeitura uma economia em torno de 55 mil litros de água potável por dia, que serão priorizados para o abastecimento da população.

Durante a entrega do estádio, que contou com a presença do Governador Rui Costa, o diretor da Superintendência de Desportos da Bahia (Sudesb), Vicente Neto, parabenizou a escolha da Prefeitura por priorizar o uso racional da água.

"É uma tendência em regiões que tem pouca água potável disponível. Porque a grama natural precisa, em média, em um estádio de tamanho oficial, em torno de 55 mil litros de água por dia. É muita água! Dá um milhão e meio de litros por mês, em média. Então, entre garantir esta água à população ou para o equipamento esportivo, o prefeito nunca tem dúvida: É sempre para a população", disse Vicente.

O diretor destacou destacou as vantagens na manutenção do campo sintético.

"A manutenção do gramado é simples. É uma máquina que "penteia" o fio sintético e espalha a borracha, que diminui o atrito do atleta em contato com esse tapete e ajuda a reter o calor. E quando o fio estraga, é um tapete e você recorta e cola. Então é um investimento que vale muito a pena. O gramado natural tem suas vantagens mas requer uma manutenção cara", concluiu Vicente.

O Prefeito Robério Cunha lembrou outro fator que influiu na decisão pelo piso artificial:

"Uma dificuldade a mais para manter a grama viva é a salinização da água, que demanda insumos e encarecem ainda mais a manutenção".

#SecretariaDeEsporteELazer #PrefeituraMunicipal #GentioDoOuro #UmGovernoParaOPovo

Fonte: ASCOM
Autor: Marcio Corrêa
Local: Gentio do Ouro
Seta
Versão do Sistema: 3.1.9 - 17/01/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia